Melhores jogadores brasileiros da história

Quais são os melhores jogadores brasileiros da história? Vivemos em um país que revelou os maiores atacantes de todo o futebol, mas também vários outros ícones de outras posições, como Zico no meio-campo e Roberto Carlos na lateral. Hoje, falaremos sobre os melhores jogadores brasileiros da história. Leia conosco, vamos lá!

4 melhores jogadores brasileiros da história

4. Romário

Romário é certamente um dos maiores atacantes brasileiros de todos os tempos. Imprevisível em campo, era uma verdadeira raposa na grande área, capaz de marcar em qualquer situação com faro de gol. Jogador muito técnico, sabe criar espaço mesmo nas defesas mais densas. Seus inúmeros gols fazem de Romário um dos maiores artilheiros da história do futebol.

Começou a carreira no Vasco da Gama, clube ao qual voltou três vezes ao longo da carreira. Mas foi especialmente durante sua passagem pela Europa que Romário deixou sua marca.

Ele venceu o campeonato holandês três vezes com o PSV Eindhoven e, em 1994, venceu a La Liga com o Barcelona. No mesmo ano, ele chegou à final da Champions, mas o Barça perdeu para o AC Milan, que posteriormente perderia a final do Mundial de Clubes para o São Paulo Futebol Clube. O resto de sua carreira o levou a vários clubes, principalmente no Brasil, mas também no Catar, Austrália e Estados Unidos.

Com a Seleção, Romário entrou na Copa do Mundo de 1990, mas o Brasil foi eliminado nas oitavas de final pela Argentina. Foi quatro anos depois que ele ficou conhecido. Marcou 5 gols durante a competição e ajudou seu time a vencer a Copa do Mundo.

O brasileiro também foi eleito o melhor jogador da competição. Apesar de uma lesão que o impediu de participar em 1998, Romário ainda é considerado um dos melhores jogadores brasileiros da história.

3. Ronaldo

Um atacante lendário que marcou toda uma geração, Ronaldo é claramente um dos melhores jogadores brasileiros da história e que movimentou o mundo das casas de apostas de futebol. Muito rápido e habilidoso com os dois pés, o R9 era um excelente driblador, capaz de jogar nos menores espaços.

Além de sua capacidade de romper as defesas, ele também era um excelente finalizador. Com todas as qualidades de um número 9 perfeito, Ronaldo também está incluído no nosso no ranking dos melhores atacantes da história.

Ronaldo começou no Cruzeiro, onde rapidamente deixou sua marca. Ele se mudou para o PSV Eindhoven em 1994, onde ganhou a copa nacional e marcou quase um gol por jogo por duas temporadas.

Depois de apenas uma temporada no Barça e uma vitória na Copa do Rei, ele se juntou à Inter na Itália. Ronaldo ficou lá por 4 temporadas e ajudou seu time a conquistar a Champions em 1998.

O brasileiro voltou então para a Espanha, desta vez para o Real Madrid, onde conquistou a La Liga, entre outros títulos. Ele terminou sua carreira com o Corinthians no Brasil, depois de breve passagem pelo Milan.

Com a Seleção, sua história é ainda mais mágica. Campeão mundial em 1994 sem ter disputado uma única partida, deixou sua marca quatro anos depois, mas o Brasil perdeu a final para a França de Zidane depois da convulsão de Ronaldo.

Em 2002, ele conseguiu levar o Brasil ao seu 5º título da Copa do Mundo, enquanto liderava a competição com 8 gols. Ronaldo se tornaria o maior artilheiro de todos os tempos na história da Copa do Mundo por alguns anos antes de seu recorde ser quebrado por Miroslav Klose, justamente naquele emblemático 7 a 1. 

2. Garrincha

Considerado por muitos o maior driblador de todos os tempos, Garrincha é uma lenda de nosso país. Conhecido por suas acelerações estonteantes, seus cruzamentos precisos, mas acima de tudo suas fintas, é considerado como um dos melhores alas da história.

Sua agilidade com a bola permitiu que ele superasse qualquer defensor. Além de ser um grande passador, Garrincha também foi capaz de marcar de longe com seu chute forte.

Garrincha foi fiel ao Botafogo por muitos anos e passou quase toda a carreira no clube carioca. Ele ganhou o campeonato carioca três vezes e o torneio Rio-São Paulo duas vezes.

Levou seu time às semifinais da Copa Libertadores, mas perdeu para o Santos de Pelé. Depois de marcar 232 gols em 581 jogos, Garrincha deixou o Botafogo, mas jogou apenas mais alguns jogos por vários clubes brasileiros.

Garrincha foi convocado para a seleção em 1955 e disputou a Copa do Mundo de 1958. Foi excelente durante toda a competição, dando várias assistências e ajudando o Brasil a conquistar sua primeira Copa do Mundo.

Um pouco ofuscado por Pelé durante a competição, deixou sua marca quatro anos depois, quando seu companheiro de equipe se machucou. Artilheiro da Copa do Mundo de 1962, mostrou ao mundo seu talento e conquistou seu segundo título consecutivo. Quando Garrincha e Pelé estavam em campo, o Brasil nunca perdeu um jogo.

1. Pelé

Uma verdadeira lenda da história do futebol, Pelé é frequentemente visto como o melhor jogador de todos os tempos – e sabemos que essa afirmação é verdadeira. Um jogador excepcional, tanto física quanto tecnicamente, permaneceu no mais alto nível por mais de 15 anos.

Ele ainda detém muitos recordes e é um dos maiores artilheiros de todos os tempos. A pegada que deixou no jogo é inconfundível e deixou uma impressão duradoura nos fãs de futebol por gerações.

A carreira profissional de Pelé no nível de clubes foi principalmente no Santos. Em 18 temporadas, alcançou performances incríveis e conquistou inúmeros troféus, incluindo 11 Campeonatos Paulistas e 2 Copas Libertadores. Pelé também ganhou a Copa Intercontinental duas vezes na década de 1960, contra Milan e Benfica.

Durante esses longos anos, ele manteve uma proporção incrível de quase 1 gol por jogo. Pelé encerrou sua carreira nos Estados Unidos com o New York Cosmos, onde também conquistou o campeonato em 1977.

Mas Pelé é ainda mais conhecido por suas façanhas com a seleção brasileira. O jogador mais jovem a vencer uma Copa do Mundo em 1958, ele também foi campeão mundial em 1962 e 1970. Isso o torna o único jogador da história a vencer a Copa do Mundo três vezes.

Seus inúmeros gols e grandes jogadas técnicas nessas competições contribuíram para sua lenda. Pelé merece seu lugar no topo da lista dos melhores jogadores brasileiros da história. Até a próxima!

Galpão comercial para alugar – Onde encontrar? Qual o valor?

Galpão comercial para alugar é o que muitas pessoas buscam. Mas, onde podemos encontrar esses galpões? Um galpão logístico e um galpão comercial são as mesmas coisas? Quais são as verdadeiras vantagens de alugar um galpão desse tipo? Quanto custa o aluguel desses galpões comerciais?

Muitas dúvidas surgem quando resolvemos fazer algo novo, ainda mais quando isso envolve nossa empresa, marca ou indústria. Dessa forma, quanto maior for a quantidade de informações que possuirmos sobre o assunto, melhor será na hora de concluir aquilo que buscamos fazer na prática.

A mesma afirmação é válida para o aluguel de galpões logísticos, muito procurados por quem busca um espaço especial para deixar todo o estoque de sua empresa. É de suma importância que você saiba tudo sobre o assunto, valores, contratos, entre outros detalhes que podem surgir com o decorrer do fechamento do contrato de aluguel de um galpão.

No conteúdo de hoje, vamos abordar ainda mais sobre esse que é um assunto muito desejado em questão de detalhes. Portanto, caso queira saber mais sobre galpão comercial para alugar, acompanhe-nos até o final do conteúdo e deixe seu comentário em caso de dúvidas. Vamos lá, leia com a gente!

O que é um galpão comercial?

Afinal, o que é um galpão comercial? Antes mesmo de trazermos outras informações detalhadas sobre o assunto, é de suma importância que primeiramente você compreenda de forma completa o que é um galpão comercial, assim, fica mais por dentro do assunto que busca informações.

Um galpão comercial nada mais é do que um espaço que você aluga para usar, principalmente, como depósito logístico de sua empresa. Dessa forma, neste local você pode colocar vários itens relacionados ao cotidiano de sua empresa, seja ela de pequeno, médio, grande ou gigantesco porte.

Um galpão comercial geralmente fica perto, mas em um local mais afastado dos centros urbanos, o que facilita – e muito – a entrada e saída de caminhões com material que será guardado neste determinado espaço. O que isso serve como vantagem? Acelera e muito o processo de logística, melhorando todo o processo empresarial.

Portanto, em resumo, um galpão comercial é um local que você pode usar para guardar seu estoque de produtos e matérias-primas. Assim, você loca um espaço que é só da sua empresa, para usar como bem entender em prol dos objetivos que desejam ser batidos dentro do plano criado antes do período ser iniciado.

Galpão comercial X Galpão logístico: quais as diferenças?

E quais são as diferenças entre um galpão comercial e um galpão logístico? Em suma, nenhuma. Os dois possuem o mesmo objetivo, que é servir como base para depósito de uma grande quantidade de produtos para uma empresa, independentemente do seu tamanho, servindo assim como um verdadeiro depósito.

A única coisa que podemos notar como diferença são suas nomenclaturas, que naturalmente resultam em pequenas mudanças, principalmente relacionadas às regras de utilização desses espaços, por mais que seja algo privado e que você está realmente pagando para usar com sua empresa.

Mas, como assim? Bem, enquanto o galpão comercial pode ser usado como depósito, vale ressaltar que este possui maior liberdade de visita por parte de clientes em potencial. O que queremos dizer com isso? Que você pode ser um empresário do ramo de atacado de roupas, e receber varejistas interessados em comprar seus produtos dentro do seu galpão.

Por outro lado, os contratos de aluguel relacionados com galpões logísticos possuem maiores regras, geralmente impedindo a venda de produtos dentro do espaço. Isso acontece principalmente porque, geralmente, esses últimos possuem ambientes compartilhados, ou seja, outras empresas que solicitam o máximo em segurança podem estar ali presentes com seu pequeno depósito, e por isso a visita de clientes em potencial pode ser expressamente proibida.

Qual é melhor?

E entre as duas opções disponíveis, qual delas é melhor? Galpão comercial para alugar ou um galpão logístico? Bem, depende muito do seu objetivo com o espaço. Dizemos isso porque o mesmo pode ser aproveitado de diferentes formas a depender do objetivo que a empresa ou gerente empresarial possui.

Dessa forma, enquanto o galpão comercial para alugar pode ser perfeito para algumas empresas, para outras pode ser mais indicado o contrato de aluguel de um galpão logístico, e vice-versa. Então, recomendamos que analise cada detalhe do contrato de aluguel, para saber se realmente vale a pena no seu caso.

Quanto custa alugar um galpão comercial?

E afinal, quanto custa para alugar um galpão comercial? Depende muito do local onde você irá alugar. A média nacional de cobrança por metro quadrado fica na faixa entre R$18,00 e R$20,00. Dessa forma, quanto maior for o espaço alugado, maior será o valor do aluguel em questão, sendo o contrário também verdadeiro.

Esperamos ter ajudado você a entender mais sobre galpão comercial para alugar. Ainda possui dúvidas? Comente abaixo, vamos lhe ajudar. Até a próxima!

Veja também > Saiba como fazer para ter aulas de circo sp com os professores Mizael e Carolina.

O que estudar para concurso público nível médio? Confira 7 temas!

O que estudar para concurso público nível médio? Quais são as matérias mais importantes para quem deseja realizar um concurso em que a escolaridade mínima é o ensino médio? Vale a pena fazer esse tipo de concurso? Quais são as matérias mais importantes para quem vai prestar uma prova desse tipo?

Estudar para um concurso nunca foi algo considerado fácil, pelo contrário. Trata-se de uma prova que em sua grande maioria é bem complicada, e, dessa forma, necessita de muito estudo para que consiga uma boa colocação que lhe permita passar e conseguir uma vaga.

Porém, como é sabido, quanto mais alto é o nível do concurso, pior é para conseguir passar. Dessa maneira, um concurso de prefeitura de nível fundamental será mais fácil do que um de nível médio, que por sua vez, é bem mais fácil de ser realizado do que um concurso de nível superior.

No conteúdo de hoje, no entanto, iremos analisar sobre o que estudar para uma prova de concurso em que matérias de nível médio são abordadas. Então, se deseja saber o que estudar para concurso público de nível médio, recomendamos que nos acompanhe até o final do conteúdo. Vamos lá, leia conosco!

O que estudar para concurso público nível médio?

Matemática básica

A matemática básica é uma das matérias mais importantes que devem ser estudadas em um concurso público de nível médio. Aqui, estamos falando da matemática simples, mas também com alguns detalhes. Diferentemente do ensino fundamental, a matemática do ensino médio já não possui apenas soma, subtração, multiplicação e divisão.

As quatro operações precisam estar bem definidas em sua prática, mas outras coisas como frações e contas de porcentagem também devem ser aprendidas. Deixe de lado a fórmula de Bhaskara e outras coisas mais complicadas, pois esse tipo de coisa realmente não cai na prova de concurso público.

Português  

O que estudar para concurso público nível médio? Português é outra das matérias que estarão presentes. Independentemente do nível de qualificação mínima para a realização da sua prova, assim como matemática, português é uma matéria sempre presente nas provas, mudando apenas em nível de dificuldade.

Por exemplo, quando falamos de uma prova de nível médio, é de suma importância que você saiba o local onde uma vírgula, uma crase e os acentos da palavra “porque” devem ser inseridos. Além disso, o tema de outro tópico aqui do conteúdo também é importante de forma geral, não só para português: interpretação de texto.

Conhecimentos gerais

Em seguida, por ordem de importância, temos conhecimentos gerais. Trata-se de uma parte da prova que é composta por perguntas que falam sobre atualidade, mas podendo também conter algumas questões sobre assuntos mais antigos. Aqui, o mundo em geral é abordado, como política, geografia e acontecimentos marcantes.

Neste caso, não há muito o que ser feito: o negócio é ficar antenado com as notícias no dia a dia. Uma saída, nesses casos, é comprar um curso focado no assunto, que pode lhe dar uma ideia sobre quais assuntos da atualidade possuem maior chance de cair em sua prova, mesmo que estiver de olho no concurso inss 2022.

Informática

Apesar de parecer uma matéria simples, para algumas pessoas pode ser bem complicado. Para você que possui um cotidiano com um computador sempre em mãos, nem mesmo é necessário estudar. Mas, se não costuma usar PC em seu trabalho ou em casa, é interessante aprender sobre o assunto.

As perguntas são relativamente simples, geralmente relacionadas a comandos, do tipo “Qual o comando que fecha janelas abertas?”, neste caso, a resposta para a pergunta seria Alt+F4. Em suma, é uma das partes mais fáceis de serem feitas de toda a prova, principalmente se você estiver preparado e tiver um pouco de experiência em computação básica.

Questões específicas

Sempre que você fizer uma prova desse tipo e quiser saber o que estudar para concurso público nível médio, lembre-se de que as questões específicas geralmente possuem maior peso. Por exemplo, em provas de concurso bancário, questões relacionadas à gestão financeira e código de ética do próprio banco podem cair.

Em outro exemplo, sendo muito comum em concursos de prefeitura, a legislação da cidade pode cair na prova, mesmo que haja apenas duas ou três questões. Portanto, sempre se lembre de estudar o que pode cair de questões específicas em seu concurso, pois essas possuem grande valor na nota final.

E como saber quais assuntos irão cair? Isso é fácil. No próprio Edital do concurso que está realizando, na seção em que fala um pouco de cada matéria que será abordada, é possível ter uma breve ideia sobre quais assuntos serão colocados em formato de pergunta na prova que você vai fazer, inclusive as questões específicas.

O bom concurseiro sabe que o primeiro passo para uma boa prova é a leitura completa e detalhada do Edital.

Lógica

A lógica, parte importante da matemática, mas que também deve ser considerada para outras matérias, pode ser estudada por meio de ajuda de cursos pagos. Uma boa pessoa boa em lógica sabe desde o início se a questão é uma pergunta verdadeira ou se não passa de mais uma pegadinha para eliminar os desavisados.

Por isso, quanto mais tempo você estudar lógica para sua prova, melhor. A nossa recomendação é que inicie seus estudos pelo menos 6 meses antes de um concurso. Além disso, mesmo que não passe naquela prova, continue estudando, pois sua bagagem será maior para a próxima prova que poderá acontecer dentro de pouco tempo. Uma vez que tenha aprendido lógico, isso pode te ajudar em outros provas como a do concurso pf.

Interpretação de texto

Lembra-se quando mencionamos no tópico sobre a matéria de português que a interpretação de texto é importantíssima? Saber interpretar um texto não vale somente para a matéria de português, mas também para matemática e outras.

Por exemplo, ao ler um enunciado de uma questão simples de matemática que usa somente lógica, é possível encontrar a resposta certa sem a necessidade de realizar uma conta, somente interpretando aquele texto. Esperamos ter ajudado você a entender mais sobre o que estudar para concurso público nível médio. Lembre-se de deixar um comentário abaixo se ainda tiver alguma dúvida. Até a próxima!